Siga nas redes sociais

Search

Florianópolis recebe o Beer Summit, organizado exclusivamente por mulheres

Florianópolis recebe em agosto a primeira edição do Beer Summit.

Organizado e idealizado pelo Science of Beer Institute, o evento será congresso, exposição e concurso.

O evento vai reunir também o Brasil Beer Cup e um festival internacional.

Amanda Reitenbach, CEO do Science of Beer, destaca que o summit será o maior evento de conhecimento cervejeiro da América Latina, e chega para ocupar uma lacuna no mercado de cerveja no Brasil:

“Temos festivais, concursos e feiras, mas o ambiente ainda é muito disperso, faltava um evento que oferecesse uma real experiência com foco em aprendizado e capacitação. O Beer Summit vai reunir palestras, workshops e experiências nunca antes vistas em eventos do ramo no no país”, explica Amanda. “Estamos trazendo muito do que vimos em congressos e festivais de outros países, como Alemanha, Bélgica, Chile e Estados Unidos, para que esse evento seja do mais alto nível profissional.”

Ela explica que o evento vai englobar aceleração de pequenas empresas, consultoria técnica, elaboração de projetos colaborativos, subsídios a trabalhos de pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias voltadas ao setor.

“Nossa proposta é oferecer à cadeia produtiva do segmento um ambiente único de aprendizagem, troca de experiências, acesso ao que há de mais moderno no ramo, rodadas de negócios, capacitação e integração entre todos os players do mercado mundial de cervejas”, explica.

Brasil Beer Cup: contemplará não só grandes cervejarias e as artesanais, mas terá também categorias voltadas para avaliar os cervejeiros caseiros.

A pré-inscrição para o concurso abre em abril e a inscrição das amostras deverá ser feita entre maio e junho.

Já o Festival Internacional que irá integrar a programação será divulgado em março.

Mulheres à frente do Beer Summit: a inovação do Beer Summit chega também por meio da organização. Esse será o primeiro evento cervejeiro 100% idealizado e organizado por mulheres.

Entre os organizadores do evento, além da própria Amanda Reitenbach e da equipe de professores e profissionais do Science estão: Patrícia Hellmann, head de Marketing e Projeto, e Jéssica Mafra, head de Planejamento e Operação, e que atuaram na produção e do Festival Brasileiro de Cervejas.

Já a comunicação é feita pela equipe da agência Vocali, também de mulheres, e que tem vasta experiência em eventos de grande porte nacionais e internacionais.

Compartilhe

Redação Economia SC

Tudo sobre economia, negócios, inovação, carreiras e sustentabilidade em Santa Catarina.

Leia também

Receba notícias no seu e-mail