Siga nas redes sociais

Search

Pesquisa aponta prejuízo de R$ 240,5 milhões em empresas do Alto Vale

A paralisação total ou parcial de atividades econômicas durante a pandemia já gerou em torno de R$ 240,5 milhões de prejuízos para empresas do Alto Vale.

A estimativa é da pesquisa lançada desde o início do mês de abril pela Prefeitura de Rio do Sul e pelo Codensul e encerrada na quarta-feira, dia 22.

No total, 738 empresas revelaram perdas ou a expectativas de prejuízo futuro por conta da paralisação, decretada pelo Governo do Estado desde março.

EMPREGOS

Nem todas as empresas preveem demissões em curto prazo. De acordo com a pesquisa, nos próximos 90 dias, 58,13% das empresas devem manter o número de funcionários e 41,59% tem planos de redução, o que gira em torno de 1,1 mil demissões pela média apresentada. Apenas 0,27% anunciaram que devem ampliar sua equipe de trabalho.

FINANCIAMENTOS

Algumas empresas relataram questões ligadas à necessidade de obter financiamentos para ajudar a recuperar de suas atividades.

E, de acordo com secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo José Fiamoncini, este levantamento serve como base avaliar o panorama da situação das cidades e quais as perspectivas de investimentos:

“Já temos um relatório de agências de fomento e bancos da região dispostos a apresentar propostas para os empresários. Vamos apresentar estes dados às entidades representativas nesta semana como forma de colaborar com a recuperação destas empresas o mais breve possível”.

PRINCIPAIS DADOS DA PESQUISA

  • 738 questionários respondidos
  • R$ 240.501.393,45 em relatos de perdas
  • Respostas de empresas de 23 cidades (21 do Alto Vale e 2 de fora: Alfredo Wagner e Maravilha)

Resposta ao questionário por setor econômico

  • 40,7% – Comércio
  • 36,6% – Serviços
  • 16,3% – Indústria
  • 6,1% – Autônomos
  • 0,4% – Agricultura

Sobre prejuízos relatados por setor econômico

  • Indústria: R$ 85,1 milhões
  • Comércio: R$ 80,5 milhões
  • Serviços: R$ 73,2 milhões
  • Autônomos: R$ 1,4 milhão
  • Agricultura: R$ 111 mil

Sobre quadro de pessoal

  • Empresas que devem reduzir: 307
  • Empresas que devem manter mesmo número: 429
  • Empresas que devem contratar: 2
  • Estimativa de desligamentos: 1.115

Compartilhe

Redação Economia SC

Tudo sobre economia, negócios, inovação, carreiras e sustentabilidade em Santa Catarina.

Leia também

Receba notícias no seu e-mail