Siga nas redes sociais

Search

B3 adquire catarinense Neoway por R$ 1,8 bilhão

Carlos Eduardo Monguilhott, CEO da Neoway. Foto: divulgação.
Carlos Eduardo Monguilhott, CEO da Neoway. Foto: divulgação.

A Bolsa de Valores (B3) acaba de anunciar a aquisição da catarinense Neoway, uma das maiores empresas de big data e analytics no Brasil e referência no segmento.

A operação representa mais um passo relevante na estratégia da B3 de acelerar seu crescimento em áreas complementares ao seu negócio principal.

Com valor de R$ 1,8 bilhão, a transação é a maior aquisição da B3 desde 2017, quando se tornou a principal infraestrutura de mercado financeiro brasileiro.

A bolsa ainda irá reservar até R$ 200 milhões adicionais, nos próximos cinco anos, para investimentos estratégicos ligados ao crescimento da Neoway.

Fundada em 2002, lançou sua plataforma de Big Data em 2012, e é uma das líderes em dados, analytics e inteligência artificial no Brasil, com 450 funcionários, mais de 500 clientes B2B e projeção de receita líquida de aproximadamente R$ 190 milhões para 2022.

A estrutura de dados da empresa é constituída a partir da coleta de bases de dados publicamente acessíveis, e seus produtos, entregues através do modelo SaaS (plataforma como serviço/assinatura), cobrem uma ampla gama de soluções para marketing e vendas, crédito, prevenção a fraudes, compliance e inteçigência jurídica.marketing e vendas, crédito, prevenção a fraudes, compliance e inteligência jurídica. 

A Neoway seguirá como uma unidade autônoma e independente dentro do grupo B3 e segue com sua sede em Florianópolis.

“Essa nova aquisição nos permitirá unir, de um lado, a experiência da Neoway em coletar, analisar e organizar dados de diferentes fontes, gerando valor agregado para clientes com produtos inovadores, e de outro lado, o capital, credibilidade e dados sobre mercado de capitais, veículos, imóveis e outros que só a B3 tem. Dados e analytics têm sido uma fonte crescente de receita para bolsas internacionais, e acreditamos que, no caso da B3, esse negócio ganhará maior foco, velocidade e know how ao trazermos os talentos, track record e a bem-sucedida plataforma da Neoway”, destaca Gilson Finkelsztain, CEO da B3.

 “A Neoway e a B3 compartilham valores e visões, incluindo nosso compromisso com um modelo de gestão que conte com diversidade, criatividade e inovação. Mais importante ainda, nos alinhamos em torno de uma ambição comum: a de escrever a história do mercado de dados no Brasil, com o propósito de democratizar dados e analytics e mover a economia. Com essa transação, conseguiremos ir muito além, e nosso time, clientes, parceiros e sociedade irão se beneficiar desse importante movimento estratégico da Neoway”, afirma Kadu Monguilhott, CEO da Neoway.

A aquisição da Neoway pela B3 deverá ser aprovada em assembleia pelos acionistas e depende da aprovação das autoridades concorrenciais brasileiras, da CVM e da verificação de outras condições usuais para esse tipo de negócio.

Compartilhe

Ana Paula Dahlke

Fundadora do Economia SC, 3 vezes TOP 10 Imprensa do Startup Awards e TOP 50 dos + Admirados da Imprensa em Economia, Negócios e Finanças.

Leia também

Receba notícias no seu e-mail