Winker fecha ano faturando R$ 4 milhões e planeja novas tecnologias para administração de condomínios

Com parceiros já consolidados na área de administração de condomínios, construção e segurança, como Construtor de Vendas e Robotton, a proptech Winker, de Florianópolis, vai fechar o ano com faturamento de R$ 4 milhões.

Além de parceiros do segmento imobiliário, a empresa conquistou para sua carteira de clientes a  instituição financeira Unicred e a entidade de classe OAB/DF.

Ambos aderiram à solução da empresa este ano para, essencialmente, gerenciar reuniões internas e assembleias online personalizadas através da plataforma, que oferece agilidade, redução de custos e valor jurídico garantido. 

Só neste ano, a empresa registrou aumento de 30% na carteira de clientes e 65% no número de moradores cadastrados em sua plataforma, que somam 960 mil.

Hoje, as empresas e planos com recursos de segurança ofertados pela empresa correspondem a 15,5% da receita anual. A projeção para 2022 é de avançar mais 75% neste mercado, correspondendo a 21% da receita total para o próximo ano. 

A empresa também visa levar soluções modernas para outros mercados, consolidar parcerias com mais empresas de segurança e abrir caminho para construtoras.

Além disso, a empresa também almeja se aproximar de fintechs para oferecer, conjuntamente, soluções financeiras ao mercado imobiliário.

“O reconhecimento facial é um produto muito procurado atualmente por conta do receio de moradores e visitantes em tocar nos interfones, em decorrência da pandemia, o que demandou integração da Winker com equipamentos do mercado”, destaca Thiago Paulo, COO da Winker.

Num futuro próximo, os condomínios não irão mais usar interfones fixos na residência e portaria.

“Queremos que o visitante chegue no condomínio e que o dispositivo autônomo na portaria ligue diretamente para o celular do morador. Imagine uma chamada de vídeo com seu visitante na entrada do residencial, com a autonomia para abrir a porta para ele sem precisar de um mediador”, complementa Erik Osta, CTO da Winker.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais