Abertura de empresas cresce 21,3% entre janeiro e novembro em SC

Indicador da continuidade do crescimento econômico, o número de abertura de empresas em Santa Catarina regristrou um saldo de 132.308 novos negócios no acumulado do ano até novembro, segundo o observatório da Junta Comercial de Santa Catarina (Jucesc). O saldo de novas empresas representa a diferença entre as constituições e as baixas.

“O número representa uma alta foi de 21,36% em novos negócios, se comparado com o mesmo período do ano anterior. Nossa expectativa é de que, em dezembro, o número de novos negócios siga aumentando de forma constante”, destaca o presidente da Jucesc, Gilson Lucas Bugs.

Entre os dez primeiros municípios com um saldo maior de empresas criadas estão: Florianópolis (14.854), Joinville (11.410), Blumenau (7.262), Itajaí (6.818), São José (5.616), Palhoça (4.790), Balneário Camboriú (4.393), Chapecó (4.287), Jaraguá do Sul (3.817) e Criciúma (3.593).

Os dados apresentados confirmam também que muitos catarinenses, durante a pandemia, viram no empreendedorismo uma oportunidade.

Foram 104.108 novos CNPJs de natureza Microempreendedor Individual (MEI). A segunda colocada é a Limitada (LTDA), com 28.166 empreendimentos.

O comércio lidera com 29.117 novos negócios. Em seguida aparecem indústria de transformação (16.005), construção (14.718), atividades profissionais, científicas e técnicas (10.622), outras atividades de serviços (10.435), atividades administrativas e serviços complementares (10.008), alojamento e alimentação (9.528), transporte, armazenagem e correio (9.154), educação (5.741) e informação e comunicação (4.255).

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais