Volume de vendas de GNV em SC cresce 13% e atinge melhor patamar em 9 anos

No ano passado, o volume de vendas do Gás Natural Veicular (GNV) em Santa Catarina cresceu 13%, maior patamar dos últimos 9 anos, com alta acumulada de novos usuários de quase 25% em 5 anos

O ano marcou a consolidação do crescimento do produto, que concorre com a gasolina e o etanol, combustíveis que oscilaram seus preços de forma periódica nos últimos exercícios.

O GNV, por outro lado, possui tarifas reajustadas semestralmente com movimentações apenas em janeiro e julho no preço praticado aos postos pela distribuidora estadual.

A competitividade do produto no último ano se aproximou, durante todo período, de 50% frente aos combustíveis líquidos. Mesmo com o recente reajuste homologado, de 24,56%, estima que a competitividade fique em 35% no início do ano.

Com a tarifa estável até o mês de junho, mantendo-se as decisões liminares atuais que arrefeceram em 40% os reajustes, a tendência é que o produto amplie ainda mais sua vantagem econômica frente à gasolina e ao etanol.  

Atualmente, o estado conta com 137 postos e mais de 50 cidades atendidas com GNV.

Em 2020, com a pandemia e a consequente crise econômica, o produto viveu um período de relativa queda a partir do mês de março, só retomando aos antigos patamares nos meses de novembro e dezembro do mesmo ano.

Com o crescimento e consolidação do produto nos últimos anos, a SCGÁS irá ampliar ainda mais a rede de abastecimento em Santa Catarina

Nos próximos 5 anos, segundo o plano de negócios da companhia, a ideia é atender 36 novos postos de GNV, chegando a 174 estabelecimentos.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais