Com sistema integrado, Göedert atinge marca de R$ 370 milhões em faturamento

Há mais de 30 anos no mercado de higiene e limpeza, a Göedert, de Biguaçu, na região da Grande Florianópolis, se consolidou como uma das principais empresas do setor no Brasil.

Desde 2015, a empresa apresenta uma média de crescimento de 25% ao ano e, no ano passado, atingiu a marca de R$ 370 milhões em faturamento.

O caminho para essa mudança de empresa familiar para a atual estrutura começou em 2010, com a profissionalização e investimento em tecnologias. Um deles foi no sistema integrado, oVolcan ERP, da IBS Sistemas, de Rio do Sul

“O grande diferencial foi que o Volcan foi construído em conjunto com a Göedert, para atender as principais necessidades e demandas”, compartilha Adriano Baldo, CPO da IBS.

O COMEÇO DA ESTRUTURAÇÃO

Em 2010, segundo Mauricio Ramos, diretor comercial da Göedert, percebeu-se que o sistema usado já não atendia mais as demandas que a empresa tinha:

“O sistema era no formato Desktop. Precisava de conexão, caía muitas vezes durante o dia, quando entrava novo usuário, tinha que ser instalado no computador pra poder rodar. Era uma amarra. Não tínhamos confiança nos números. Chegamos ao limite. Entendemos, então, que precisaríamos de uma mudança grande ali. Trouxemos algumas empresas para fazer orçamento e uma delas era a IBS. Como eu já conhecia o trabalho deles, optamos por ela”, lembra.

A partir da escolha pela IBS, em 2012 as empresas deram o pontapé inicial para o desenvolvimento da ferramenta. No ano seguinte, no dia 7 de outubro, o Volcan ERP começou a ser usado e em menos de 3 horas depois de implantado, a empresa já havia emitido sua primeira nota fiscal.

“Para nós, o diferencial do Volcan ERP é a sua personalização para o negócio final. Hoje, temos total flexibilidade para solicitarmos alterações, um rápido atendimento, mas, muito mais do que isso, temos o comprometimento da equipe em nos ajudar trazendo inovações e soluções para nossas demandas, enão somente executar o que solicitamos.  Posso afirmar que eles buscam entender o porquê da solicitação e de forma estratégica nos ajudam a encontrar a melhor alternativa de solução para tal demanda”.

Ainda segundo Maurício, desde então, a evolução foi “em todos os sentidos, compreendendo novas funcionalidades, visando otimizar tempo e mão de obra, no acompanhamento dos resultados através de um número grande de relatórios que o Business Intelligence traz”.

EXPANSÃO

Atualmente, na logística, a Göedert também utiliza o sistema WMS da IBS, que faz a gestão de depósito; separação por leitura de código de barras, estoque just in time, dentre outras funções.

“Conseguimos perceber muito claramente o quanto nos auxiliou para termos um melhor resultado. Apenas exemplificando, comparando o número de pedidos separados no mesmo período, temos um aproveitamento superior a 20%, com o mesmo número de colaboradores”, explica o diretor.

Dentre os benefícios percebidos pela implantação do sistema integrado, estão: mais velocidade no despacho das mercadorias (com isso, o ciclo, compra e venda do cliente fica mais rápido também); confiabilidade nos dados; flexibilidade, já que, para acessar o Volcan, basta ter 01 computador, internet e um navegador compatível (em qualquer parte do mundo).

Para 2022, o plano é agregar também a parte contábil ao Volcan, onde todos os lançamentos serão feitos diretamente no sistema, gerando informações em tempo real.

PANDEMIA

Com a pandemia, a Göedert, que produz vários equipamentos de combate ao vírus, como máscaras, dispensadores de álcool em gel, pulverizadores, toucas e outros produtos de higiene e cuidados, o volume de vendas aumentou significativamente.

“Não teríamos como operacionalizar esse aumento explosivo de pedidos sem um  sistema como o Volcan”, conclui Maurício.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais