Balneário Camboriú passa São Paulo e tem metro quadrado mais caro do país

O levantamento da FipeZap divulgado em abril aponta Balneário Camboriú, no litoral norte de Santa Catarina, como a cidade brasileira com o metro quadrado mais caro do país com R$ 9.888,00.

São Paulo e Rio de Janeiro, que ocupavam o topo da lista há mais de 5 anos, estão com valor do metro quadrado avaliado a R$ 9.831 e R$ 9.701, respectivamente. 

“O perfil de quem compra imóveis em Balneário Camboriú é diferente porque são investidores em busca de uma rentabilidade alta e segura. Já nas capitais, as pessoas compram imóveis para morar e essas pessoas sentem mais as variações econômicas”, destaca o especialista em mercado imobiliário Renato Monteiro.

Com a elevação na taxa de juros dos financiamentos imobiliários, inclusive com a taxa Selic ultrapassando os dois dígitos, e a disparada nos custos dos materiais de construção, ficou mais difícil para o trabalhador adquirir um imóvel, provocando uma estagnação das vendas no mercado imobiliário nas principais cidades, como no caso de São Paulo e Rio de Janeiro, como Balneário Camboriú tem um perfil diferente de compradores, essa variação econômica tem um menor impacto no mercado imobiliário. 

“Balneário Camboriú está na mira dos investidores nacionais e internacionais pelos altos índices de rentabilidade e isso tem feito com que as construtoras invistam, cada vez mais, em empreendimentos de alto padrão, fazendo com que a cidade como um todo tenha uma maior valorização imobiliária. Isso ocorreu pelo fato de a cidade ter excelentes índices de qualidade de vida e ser uma das cidades mais seguras do Brasil, além de obras de infraestrutura, como o alargamento da faixa de areia”, explica.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais