O destino que está impulsionando o mercado imobiliário brasileiro

Balneário Camboriú, no litoral de Santa Catarina, desde abril de 2022 figura como a cidade com maior valorização imobiliária, com metro quadrado que supera os grandes centros como Rio de Janeiro e São Paulo.

Segundo pesquisa realizada pelo índice FipeZap+, responsável pelo monitoramento dos preços, a alta em 50 cidades brasileiras tiveram valorização média de 6,16% no ano passado, o maior registro da série histórica iniciada em 2014.

No último mês, a cidade catarinense teve o preço médio do metro quadrado de R$ 11,4 mil. Em seguida estão Vitória (R$ 10,4 mil), Itapema (R$ 10,3 mil), São Paulo (R$ 10,1 mil), Rio de Janeiro (R$ 9.860), Florianópolis (R$ 9.569), Itajaí (R$ 9.380), Brasília (R$ 8.726) e Curitiba (R$ 8.522).

Além das cidades incluídas na pesquisa, Porto Belo, Tijucas, Balneário Piçarras e Joinville também vêm registando aumento no segmento.

“Essa valorização é fruto de um trabalho planejado e de longo prazo desenvolvido pelas empresas em parceria com a prefeitura”, destaca o empresário Jean Graciola.

A FG Empreendimentos, uma das principais construtoras do país, tem à frente dos negócios a família Graciola, destaca que a valorização vem impulsionando não apenas os empreendimentos em obra, mas também os já entregues.

“Nos últimos 12 meses, por exemplo, registramos uma valorização média mensal na ordem de 2,33%, ou seja, um incremento de quase 30% ano e, desde o processo de alargamento da praia central os investidores viram o índice saltar para casa dos 50% ao ano”, destaca Altevir Baron, diretor de mercado da FG.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais