Seu cliente tem um problema ou uma solução?

Você já se perguntou o que o seu cliente sabe sobre o seu produto, serviço ou solução? Especialmente entre empresas que atuam com B2B, costuma haver ruído na comunicação dos produtos e serviços.

Isso se deve à complexidade das ofertas, da tecnicidade inerente à comunicação e muitas vezes, o cliente não entende nada do que se está falando (e cliente que não entende, não compra). O resultado são campanhas de baixa performance e gestores frustrados com os resultados. 

Mapear o que o seu cliente já sabe pode simplificar toda a comunicação, fazendo com que fique mais clara, compreensível e até mesmo impactante. Em resumo, entender se ele está preocupado em resolver um problema, ou buscar uma solução. 

Gene Schwartz, em seu clássico Breakthrough Advertising, desenvolveu a teoria, que funciona muitíssimo bem na prática, da Escala da Consciência, ou Curva da Consciência do Lead. 

Desta forma, mapeando o que os clientes tem consciência, consegue-se desdobrar a comunicação numa jornada estruturada, que vai se estruturar de forma eficaz entre o topo, o meio e o fundo do funil de inbound marketing. 

Seu cliente tem um problema ou uma solução? 

Costumo dizer que quem tem um problema, perde o sono. Quem tem uma solução, acorda com uma esperança. 

  • Inconsciente: no início da jornada, a pessoa não está consciente do produto e serviço, nem está consciente de algum potencial problema a ser resolvido. 
  • Consciente do problema: essa é a etapa em que o seu lead perde o sono. Neste nível, o lead tem uma preocupação mas ainda não sabe como resolvê-la. Aqui, a comunicação indireta, de topo de funil atrelada à materiais que façam o lead evoluir na jornada são bem vindos. 
  • Consciente da solução: Aqui, o lead descobre qual a solução para o seu problema, mas ainda não sabe quem tem a melhor solução. Em suma, ele passa a ter esperança.
  • Consciente do produto: Seu lead tem o seu nome e dos seus concorrentes em mente. Nesta fase é importante educar o seu cliente de forma indireta a comprar as soluções, de forma que a sua seja a mais atrativa. 
  • Totalmente consciente: O lead está esperando uma oferta direta para fechar negócio. Na prática, essas pessoas estão buscando uma solução no Google, por exemplo. 

O lead consciente é o cliente que todas as empresas querem, mas esta é uma demanda limitada, disputada e depende do nicho, cara. 

Portanto, é importante ter esse mapa da jornada do lead e sempre que o funil exigir, dar esse “passo para trás” estratégico para amadurecer o seu público e prepará-lo para a oferta final. 

E então, seu cliente está perdendo o sono ou ele já tem uma esperança?

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais