Marca-texto: os insights de Digital Branding

Última leitura do ano! Para fechar com chave de ouro, consegui ler Digital Branding: estratégias, táticas e ferramentas para impulsionar o seu negócio na era digital, escrito por Daniel Rowles. Confira abaixo os principais insights:

Página 15: O que precisamos considerar ao construir e mensurar marcas é cada vez mais complexo.

Página 27: Além da ideia de identidade visual, também podemos considerar pensamentos, sentimentos, percepções, imagens, experiências, crenças, atitudes e outras características que se associam à marca.

Página 29: Se a marca é, essencialmente, a personalidade de alguma coisa, as mídias digitais nos dão a capacidade e a oportunidade de compreender a sua verdadeira personalidade.

Página 32: O seu logo pode torná-lo reconhecível, mas é sua marca global que define como eu me lembro de você.

Página 35: Basicamente, é necessário ter clareza quanto a dois aspectos: primeiro, precisamos sempre ter uma visão clara de quais são os nossos objetivos de negócio e nos concentrar em como qualquer atividade de marketing que estamos realizando deve estar conectada esses objetivos. Segundo, precisamos descobrir os objetivos da nossa audiência-alvo para alinharmos o que ela quer com o que estamos oferecendo.

Página 36: Se eu quiser que o cliente se engaje em um ambiente online, não basta que meu produto ou serviço apenas entregue valor, preciso oferecer a ele uma razão para se envolver comigo, para oferecer feedback sobre meu produto ou serviço e para iniciar um diálogo.

Página 52: O marketing de conteúdo tem a ver com oferecer valor além do proporcionado pelo produto em si.

Página 65: O engajamento com o meu conteúdo reforça a confiança e melhora a percepção sobre o meu site.

Página 100: Para realmente obter o máximo do nosso digital branding, devemos sempre considerar como maximizar nosso alcace na audiência-alvo.

Página 103: O maior erro cometido em inúmeras organizações é focar em métricas quantitativas, ou baseadas em volumes, ao analisar campanhas em mídias sociais.

Página 103: Mas, na realidade, o que significam efetivamente um milhão de seguidores? A resposta é: realmente muito pouco. Precisamos compreender que é a audiência, ver como está engajada, quais são seus sentimentos, e, mais importante, verificar se as mídias sociais estão efetivamente impactando os objetivos de negócio.

Página 109: Se não formos encontrados, ou se empurrarmos a nossa audiência para uma experiência do usuário ruim, prejudicaremos o nosso digital branding. O melhor site do mundo é inútil se não for encontrado.

Página 215: A chave para entregar um ótimo digital branding é ver como todas as diferentes experiências que estamos oferecendo se encaixam.

Página 271: O digital branding consiste basicamente em tomar decisões mais inteligentes e mais fundamentadas em fatos do que calcadas em suposições.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais