Siga nas redes sociais

Search

Os caminhos para uma internacionalização assertiva

Foto: divulgação.
Foto: divulgação.

A expertise de mais de 25 anos da Father Estratégias Internacionais no respaldo a empresas que buscam expandir seus negócios e atuar no mercado externo agora está registrada em um e-book. Foi assim que decidimos chancelar sua trajetória de sucesso: revelando como desenvolvemos o processo de acompanhamento de marcas que querem se tornar mundialmente acessíveis. Esse material reúne todas as etapas que uma empresa precisa seguir para dar um passo a mais na sua história; desde a análise do cenário em que está inserida, até as perguntas certas que podem levar ao sucesso dessa conquista para fora do país, passando pelo planejamento conciso de como trilhar esse caminho de maneira assertiva.

A curadoria do conteúdo foi pautada na metodologia Get Global, criada exclusivamente para realizarmos os atendimentos aos clientes. Na primeira parte, o ‘Como tornar minha empresa global’ indicamos o que deve ser considerado ao cogitar a possibilidade de atuação no mercado externo. Quando uma empresa vai bem no seu mercado local, chega um momento em que é comum ser perguntar: como seria essa atuação fora do país? Essa perspectiva de crescimento é normal, mas precisa ser respaldada por diversos fatores, como o potencial de valorização real do produto ou serviço que se oferece, a avaliação de riscos internacionais, que englobam aceitação no mercado de outros países e câmbio, por exemplo, entre outros fatores que mencionamos nessa etapa inicial do e-book.

A segunda parte do material discorre sobre a prática em si para tirar o desejo de internacionalização do papel, com ênfase em quesitos como a importância de um planejamento estratégico internacional bem definido presente dentro do planejamento estratégico nacional. A decisão de tornar a empresa global incide em todo o mecanismo prático da organização e demanda uma estruturação de todos os passos a serem seguidos. Internacionalizar não é uma aventura. Mapear a estrutura organizacional para atender uma demanda além da doméstica e preparar a equipe interna, definir bons parceiros, desenvolver planilha de custos e investimentos são outros dos pontos iniciais para o início de um projeto internacional.

As ferramentas disponíveis para identificar pontos fortes e fracos da empresa, como definir seu posicionamento global e quais são os stakeholders imprescindíveis para um processo de sucesso, como contabilidade, despachantes, bancos e transportadoras também constam no ebook. Mecanismos como fluência da equipe em outros idiomas, conhecimento das linhas de créditos internacionais, definição do mercado alvo e delimitação de investimentos também são detalhados no conteúdo.

Atuar no mercado externo só faz sentido se agregar competitividade e lucratividade para o negócio. Por isso, cada processo de internacionalização é único e precisa ser desenvolvido considerando todo o histórico da empresa, além das características daquele país em que ela está propensa a atuar. Esse e-book é uma forma de mostrarmos que estar presente no mercado externo é possível para muitas empresas – e quando o mecanismo é bem desenvolvido e amparado por uma equipe especializada que dá suporte ao processo, o resultado positivo é inevitável.

Para ter acesso ao conteúdo completo do material da Father, basta solicitar clicando aqui.

Compartilhe

Sheyla Patrícia Pereira

Sócia e diretora executiva Father Estratégias Internacionais.

Leia também

Receba notícias no seu e-mail