Fintechs: o que você vê quando olha para o setor?

Jovens, otimistas e em busca de equilíbrio financeiro. É assim que são descritas as fintechs na mais recente pesquisa lançada pela PwC em parceria com a Associação Brasileira de Fintechs (ABFintechs).

A Fintech Deep Dive 2022 traça um perfil desse ecossistema no Brasil, destrinchando o segmento de inovação e empreendedorismo das startups de serviços financeiros.

Os dados, colhidos em março e abril deste ano, cobriram 156 fintechs de diferentes setores de atuação e nos dão um panorama da situação atual do setor.

Quando se trata de analisar o mercado, é importante deixar de lado os achismos e olhar para os números.

Abaixo, compilei alguns dos principais pontos do estudo que podem ser interessantes para trazer insights e entender o momento real das fintechs. 

DE OLHO NO PIX E NO OPEN BANKING

De acordo com a pesquisa, 72% das fintechs estão desenvolvendo soluções alinhadas para open banking e PIX e 79% já aproveitam as vantagens dessas iniciativas ou acreditam que chegarão lá em um ano.

ainda não colhemos todos os benefícios do open banking, mas algumas parcerias têm ajudado a entregar mais valor para o cliente.

Na CashWay, quando estávamos desenvolvendo a fase 2 do open banking, começamos a enfrentar desafios em relação aos prazos determinados pelo órgão regulador. Foi então que a Finansystech entrou para resolver esse problema para os nossos clientes.

Hoje, toda a plataforma CashWay, no que tange especificamente a camada de Open Banking, é gerenciada pela Finansystech.

Já as mudanças causadas pelo PIX têm causado um impacto em relação ao investimento em infraestrutura que as fintechs vêm fazendo.

Após a adesão em massa dos brasileiros ao PIX, as empresas continuam vendo novas oportunidades para explorar a modalidade de pagamento a fim de aumentar a oferta de produtos e serviços.

Na CashWay, por exemplo, por meio de parceria com a Sinqia, investimos na integração com quatro dos seis Provedores de Serviços de Tecnologia da Informação (PSTIs) ativos do mercado para fornecer o PIX de forma nativa. Além de integrações com bancos liquidantes para apoiar as instituições não reguladas.

A integração direta a diferentes PSTIs possibilita à CashWay estar à frente na implementação de novas funcionalidades PIX, já que está plugada na primeira camada de troca de informações estabelecida pelo Banco Central. 

EM BUSCA DE INVESTIMENTO

A pesquisa mostrou também que 80% das fintechs estão buscando investimento ou planejam buscar nos 12 meses seguintes. Nesse grupo, 60% pretendiam obter valores entre R$ 1 milhão e R$ 30 milhões.

É fato que as empresas do setor sentiram a crise causada pela pandemia: um sinal foi o aumento do percentual de empresas com crescimento zero ou negativo, que passou de 26% para 39% de 2019 para 2020. No entanto, cresceu também o grupo de fintechs com variação de receita acima de 100%.

Os indicadores de captação de investimentos entre R$ 1 milhão e R$ 10 milhões são outro sinal de recuperação do mercado de fintechs.

No ano passado, 49% das fintechs que receberam investimentos informam ter captado nessa faixa de valores. A CashWay foi uma delas.

No último ano, a empresa passou por uma rodada de investimentos, que incluiu um aporte de R$ 1,5 milhão da Sinqia, empresa líder em softwares e inovação para o setor financeiro no Brasil, e outro de R$ 3 milhões da Invisto, gestora de fundos de venture capital do Sul do Brasil.

A pesquisa aponta também outros dados interessantes, como perfil (68%  tem menos de cinco anos de existência), planos de internacionalização (América Latina está na mira de 65% das fintechs, seguida pela Europa, com 36%), e modelo de negócio (40% das fintechs dizem ter o B2B como foco de atuação).

Estar atento ao mercado e a evolução do setor é primordial para entender as oportunidades de crescimento e mirar nos objetivos certos.

O mercado de fintechs tem muito potencial a explorar neste ano de 2022 e cabe aos empreendedores se utilizarem de dados confiáveis para deixar o ecossistema ainda mais forte e competitivo. 

Leia outras colunas do Felipe Santiago clicando aqui.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais